Mãe que matou o próprio filho e escondeu corpo por 5 anos tem nova prisão decretada

O Tribunal de Justiça de Goiás determinou nesta terça-feira (15/3) uma nova prisão da professora condenada por matar a filha recém-nascida e esconder o corpo durante cinco anos no escaninho do prédio onde morava, em Goiânia.

Márcia Zaccarelli Bersaneti, de 41 anos, respondia ao processo em liberdade, mas, desde dezembro de 2021, deveria ter voltado a comparecer em juízo uma vez por mês.

Essa era uma das condições para que ela ficasse em liberdade, enquanto recorre da sua condenação em júri popular, de mais de 18 anos de prisão.

Márcia confessou ter matado a própria filha asfixiada em 2011, porque era fruto de um relacionamento extraconjugal. O corpo do bebê ficou escondido no escaninho do prédio em que ela morava. Até que o então marido da professora o encontrou e chamou a polícia, em 2016.

Não localizada

Segundo a decisão pela prisão do juiz Jesseir Coelho de Alcântara, oficiais de justiça não teriam encontrado Márcia para comunicar que ela deveria comparecer em juízo.

O comparecimento em juízo havia sido suspenso no início da pandemia de coronavírus em 2020, mas foi retomado em dezembro de 2021.

Além disso, ainda segundo a decisão, a defesa de Márcia Zaccarelli não teria se manifestado no processo, onde constavam documentos informando sobre a exigência de comparecer em juízo.

Diante disso, o Ministério Público de Goiás pediu a decretação da prisão preventiva e o judiciário aceitou.

Para o juiz, “a ré abandonou o cumprimento de tais obrigações, encontrando-se agora em local incerto e não sabido, com o evidente objetivo de se furtar da responsabilização perante o Estado”. O Metrópoles tenta contato com a defesa de Márcia Zaccarelli.

Com informações Metropole

WhatsApp

Entre e receba notícias do dia.

Canal WhatsApp

Entre em nosso canal no WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR:

Comunicador e Jornalista formado pelo Centro Universitário do Maranhão.

DRT – 2083/MA

E-mail: sampaiowellyngton@gmail.com
Contato/ Whatsapp: (99) 98540-7358


Estamos no Instagram

Estamos no Facebook

Divulgue sua marca aqui

Publicidade

 

 

Publicidade