Mãe de Delino Marçal orou para tentar impedir assassino, diz testemunha

A mãe do cantor Delino Marçal, a pastora Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos, orou para tentar afastar o agressor durante o crime que culminou em sua morte.

O crime que aconteceu na última sexta-feira, 14 de janeiro, causou comoção nas redes sociais, já que o homem invadiu o local durante uma reunião de oração, quando quebrou uma porta e entrou nu no local em que estava a pastora e alguns fiéis.

De acordo com os relatos, no momento da invasão a pastora começou a orar em voz alta, pedindo a Deus que afastasse o invasor, que respondeu em tom de deboche: “Sai pra lá crente do satanás”.

Com uma barra de ferro, o invasor tentou agredir o fiel, que conseguiu se defender com uma cadeira de plástico do templo.

Na confusão, a mãe de Delino Marçal e o fiel passaram a correr dentro do templo, enquanto o agressor destruía tudo que encontrava pela frente.

Ambos conseguiram sair do templo, quando o fiel correu para pedir ajuda na casa da pastora, que morava próxima à igreja. Nesse interim, o invasor encontrou a pastora na calçada e desferiu diversos golpes com a barra de ferro.

Quando as filhas da pastora chegaram ao local, ela já estava caída e sangrando, que tentou falar algo para as filhas, mas acabou falecendo no colo de uma delas, na calçada, cerca de 20 minutos depois da agressão e antes que o socorro chegasse.

Porém, nesse ínterim, o invasor encontrou a pastora na calçada e desferiu diversos golpes com a barra de ferro. Quando as filhas chegaram, a encontraram caída e sangrando, mas ainda com vida.

O invasor foi identificado como Matheus Macaubas Lima Santos, que foi abordado pela PM nas redondezas, nu, e tentou agredir os policiais.

Com informações Gospel Prime

WhatsApp

Entre e receba notícias do dia.

Canal WhatsApp

Entre em nosso canal no WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR:

Comunicador e Jornalista formado pelo Centro Universitário do Maranhão.

DRT – 2083/MA

E-mail: sampaiowellyngton@gmail.com
Contato/ Whatsapp: (99) 98540-7358


Estamos no Instagram

Estamos no Facebook

Divulgue sua marca aqui

Publicidade

 

 

Publicidade