Mudança climática: cuidado com o ‘olho seco’

Não é só a pele que sofre com a mudança de temperatura, os olhos podem sentir algumas consequências com as alterações ambientais e desencadear para algumas doenças visuais, entre elas está o Olho Seco. De acordo com a Associação Brasileira de Portadores de Olho Seco (Apos), entre 13 e 24% dos brasileiros, o equivalente a 18 milhões de pessoas, sofrem com a síndrome no país.

Dentre os principais sintomas da doença estão a de sensação de corpo estranho no olho, irritação, prurido ou queimação, visão borrada durante o dia, problemas para assistir à televisão ou dirigir à noite associados a lidar com a luz. “A doença é provocada por alterações na composição ou produção das lágrimas que prejudicam a lubrificação da área”, explica o médico oftalmologista e professor do curso de Medicina da faculdade Pitágoras, Abraão Kós.

A disfunção também acomete quem permanece muito tempo em frente ao computador ou à televisão, duas atividades que diminuem o número de piscadas. Normalmente, uma pessoa fecha e abre as pálpebras de oito a dez vezes por minuto. “Entretanto, quando estamos fixados em televisão, tablets, celulares, computadores, essa frequência cai para cerca de três vezes. O ato de piscar impede justamente que a lágrima evapore antes da hora”, detalha Kós.

Entre os tratamentos, estão colírios, lágrimas artificiais, medicamentos que controlam o processo inflamatório e antibióticos. Segundo o especialista, a síndrome do olho seco não tem cura e precisa ser acompanhada por um médico oftalmologista, mas há alguns cuidados que amenizam o incômodo, especialmente quando o clima estiver mais seco. “Uma alimentação saudável, equilibrada e rica em ômega 3, beber água, arejar o ambiente, usar óculos com proteção ao se expor ao sol”, pontua o médico.

Dicas para cuidar bem dos olhos
Rosto e mãos devem ser mantidos limpos e higienizados frequentemente;
Evite ficar em ambientes com acúmulo de poeira;
Mantenha distância de alérgenos, cloro de piscina, pólen, etc.;
Não compartilhe toalha, maquiagem, e demais produtos de uso pessoal;
Verifique se o filtro do condicionador de ar está limpo;
Edredons, blusas, roupas de frio, e demais acessórios que ficam muito tempo guardados, devem ser lavados e secados ao sol, para evitar possíveis alergias.

FACULDADE PITÁGORAS  

Fundada em 2000, a Faculdade Pitágoras já transformou a vida de mais de um milhão de alunos, oferecendo educação de qualidade e conteúdo compatível com o mercado de trabalho em seus cursos de graduação, pós-graduação, extensão e ensino técnico, presenciais ou a distância.
Presente nos estados de Minas Gerais, Maranhão, Goiás, Ceará, Pará, Piauí, Paraíba, Pernambuco, Acre, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Paraná e São Paulo, a Faculdade Pitágoras presta inúmeros serviços à população por meio das Clínicas-Escola na área de Saúde e Núcleos de Práticas Jurídicas, locais em que os acadêmicos desenvolvem os estudos práticos. Focada na excelência da integração entre ensino, pesquisa e extensão, a Faculdade Pitágoras oferece formação de qualidade e tem em seu DNA a preocupação em compartilhar o conhecimento com a sociedade também por meio de projetos e ações sociais.

A Faculdade Pitágoras nasceu herdando a tradição e o ensino de qualidade oferecido pelo Colégio Pitágoras, fundado em 1966, que também deu origem ao grupo Kroton. Para mais informações, acesse o site.
Sobre a KrotonMed

A KrotonMed é a unidade de negócio da Kroton voltada para a Medicina. Criada em 2021, a KrotonMed possui mais de 3 mil alunos matriculados no curso de Medicina em 6 instituições de ensino superior: Unic, no Mato Grosso; Uniderp, no Mato Grosso do Sul; Unime Lauro de Freitas e Pitágoras Eunápolis, na Bahia; e Pitágoras Codó e Bacabal, no Maranhão. A KrotonMed possui mais de 7 mil alunos em cursos de Saúde Presencial, mais de 18 mil alunos em outros cursos presenciais de alto valor agregado. Os cursos recebem investimentos constantes para aprimoramento da infraestrutura, que inclui laboratórios e ferramentas que utilizam as mais avançadas tecnologias voltadas ao ensino da Medicina. As instituições possuem parceria com clínicas e hospitais que atendem a população, possibilitando ao aluno acesso a um alto nível de educação que reúne teoria e prática e uma preparação eficiente para sua inserção no mercado de trabalho.

WhatsApp

Entre e receba notícias do dia.

Canal WhatsApp

Entre em nosso canal no WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR:

Comunicador e Jornalista formado pelo Centro Universitário do Maranhão.

DRT – 2083/MA

E-mail: sampaiowellyngton@gmail.com
Contato/ Whatsapp: (99) 98540-7358


Estamos no Instagram

Estamos no Facebook

Divulgue sua marca aqui

Publicidade

 

 

Publicidade