Idosa é encontrada degolada e carbonizada em apartamento; filho é suspeito

Elisabeth Amelia Navarro, de 61 anos, foi encontrada morta, carbonizada, em cima de uma cama com o pescoço degolado, e com perfurações por todo o corpo, dentro do próprio apartamento, em Santos, litoral de São Paulo. O caso foi registrado no último sábado (16). A idosa foi encontrada durante a ação que o Corpo de Bombeiros realizava para debelar as chamas de um incêndio no imóvel.

De acordo com informações da Polícia Civil de São Paulo, o caso é investigado como incêndio e feminicídio. Nas apurações policiais, foi constatado que o filho dela, identificado como Caio Augusto Navarro Arisa, de 31 anos, é o principal suspeito de ter cometido o crime. A investigação aponta ainda que ele esteve em um bar momentos depois da ação.

Lucas Fonseca Silva, o gerente do bar, afirmou que Caio era um frequentador assíduo do estabelecimento há mais de um ano, sempre acompanhado de sua mãe. O indivíduo suspeito demonstrava interesse por uma funcionária do bar, que era namorado de Lucas, gerente.

Caio comentou que possuía algumas facas de artes marciais em sua residência e que planejava doá-las, pois estava se mudando. No entanto, o funcionário optou por não responder à mensagem e bloqueou Caio.” Lucas relatou que essas mensagens foram enviadas no mesmo dia em que Elizabeth foi encontrada morta.

O suspeito foi encontrado pela polícia após uma denúncia realizada pelo funcionário do bar. No momento da abordagem policial, ele se negou a atender a ordem dos agentes, puxou uma faca e atacou o funcionário do estabelecimento, em seguida os policiais reagiram e atiraram contra o suspeito.

O Serviço de Atendimento Móvel (SAMU) foi acionado para iniciar os procedimentos de socorro, mas o homem não resistiu e morreu no local.

Fonte: Meio Norte

WhatsApp

Entre e receba notícias do dia.

Canal WhatsApp

Entre em nosso canal no WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR:

Comunicador e Jornalista formado pelo Centro Universitário do Maranhão.

DRT – 2083/MA

E-mail: sampaiowellyngton@gmail.com
Contato/ Whatsapp: (99) 98540-7358


Estamos no Instagram

Estamos no Facebook

Divulgue sua marca aqui

Publicidade

 

 

Publicidade