Drag queen é presa por se vestir de Jesus e debochar do Pai-Nosso

As autoridades da Filipinas prenderam, nesta quarta-feira (4), uma drag queen que fez uma apresentação vestida de Jesus Cristo e ainda rezou a oração do Pai-Nosso.

A performance do artista Amadeus Fernando Pagente, 33 anos, causou grande polêmica no país asiático onde a maioria da população é católica.

Com o nome artístico de Pura Luka Vega, a drag queen foi acusada de blasfêmia e vários governos locais a tornaram “persona non grata” por causa da apresentação feita em julho deste ano.

As acusações que o levaram à prisão são de “doutrinas imorais, publicações e exposições obscenas e espetáculos indecentes”. As informações são da AFP.

Em sua defesa, o artista disse que não fez “nada de errado” e acusou as autoridades de prendê-lo por conta do “grau de homofobia” no país. Para ele, a performance foi “arte”; disse ainda que “não era um crime” se vestir de Jesus, orar e cantar canções religiosas rebolando.

Entre os críticos da drag queen está o padre Jerome Secillano, da Conferência Episcopal das Filipinas, que considerou a apresentação como “desrespeitosa” e “blasfêmia”.

WhatsApp

Entre e receba notícias do dia.

Canal WhatsApp

Entre em nosso canal no WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR:

Comunicador e Jornalista formado pelo Centro Universitário do Maranhão.

DRT – 2083/MA

E-mail: sampaiowellyngton@gmail.com
Contato/ Whatsapp: (99) 98540-7358


Estamos no Instagram

Estamos no Facebook

Divulgue sua marca aqui

Publicidade

 

 

Publicidade